Minha lista de blogs

terça-feira, 21 de fevereiro de 2017

Uma bela canção

Uma bela canção faz a gente sonhar
Alegra os nossos dias, nos faz viajar
Canções sempre nos fazem lembrar
Momentos que vamos sempre recordar

Amores, perdas, acontecimentos, partidas
As canções marcam as nossas vidas
A nossa infância, adolescência e a maturidade
São eternas e não tem idade

Uma bela canção pode ser lenta ou agitada
Pode ser alegre, triste ou apaixonada
Nos casais é uma marca registrada
Na solidão é o consolo da pessoa abandonada

As belas canções nunca deixarão de existir
Novas ou antigas nos farão refletir
Também nos farão chorar e sorrir
E com elas sempre vamos seguir


Alécio Souza

8 comentários:

  1. Bom dia, bons dias, querido Alécio!

    Grata por tua visitinha e palavras lá no blog.

    Bela imagem k escolheste pra teu post. A mulher, sempre, inspira mais o poeta.

    Tens um jeitaço pra fazer poesia em quadra, que nem te conto. De facto, e como tu dizes, todo o mundo tem, e não interessa a idade a canção da sua vida. Ela marca um instante, uma época ou um momento. Nossa mente jamais a esquecerá e o coração, tb.

    Qto à tua situação de desemprego, sugiro k venhas pra Espanha ou Portugal e aqui encontrarás trabalho, como homem que faz segurança (securitário) aos shoppings, a um edifício do estado ou particular etc. e ganhas 600/700 euros mensais e tens dois dias de folga seguidos, todas as semanas, pke é pra vigilância noturna.
    Em Espanha ganhas mais que em Portugal, mas a vida nesse país é bem mais cara k aqui. Pensa nisso! A família virá depois.

    Beijos e que aconteça o melhor para ti e tua família.

    ResponderExcluir
  2. Se tivesses 20 anos, tinhas montes de empregos aqui, nessas firmas ligadas ao desporto, ginásiox, etc. mas ganhavas o ordenado mínimo nacional, k são 500 e poucos euros, mas os jovens trabalham no duro. Têm de repor material, depois de findar seu horário de trabalho, até às tantas, horas k não lhes são pagas depois, mas eles aceitam, pke são mto jovens e já ganham razoavelmente.

    Há brasileiros já madurinhos (rs) k são muito bem vistos, por aqui. São pacíficos, nada desordeiros, arrumam um quarto pra viver, k ronda os 150/200 euros mensais e fazem o trabalho k os portugueses, já com alg. estatuto, não querem fazer. Infelizmente há outros, que transformam a casa em k vivem numa loucura, com "bacanal" e a barulheira é infernal, pke levam pra lá amigos e amigas e o álcool mais a música ajudam à festa. Evidente que são logo despojados e despejados da casa pela polícia. Sei k não fazes parte dessa turma.

    Beijinhos, menino e tenha fé!

    ResponderExcluir
  3. Alécio, meu querido amigo!

    Como vão as coisas por aí? Claro k sei k o seu gigantão tá sambado e deixa pra lá tanta podridão e corrupção.

    Eu estou bem sossegadinha em casa, com música ambiente, som baixo e falando com meus amigos/as.

    Beijos e dias felizes.

    ResponderExcluir
  4. Olá, Alécio! Adorei a poema. Realmente nada melhor para nos fazer recordar de momentos, fases, pessoas, lugares como uma canção. E às vezes nem precisa ser bela, basta ter nos marcado de alguma forma.Carinhoso abraço! Tenha ótima semana!

    ResponderExcluir
  5. Oi Alécio como vão as coisas do lado de lá?
    Por aqui no RS o desemprego está bem grande 500 mil tentando
    viver como pode; a saída está sendo Santa Catarina que está abrindo
    várias frentes de emprego.
    É dificil fazer poema em tempos complicados; mas pelo menos podemos
    deixar a realidade menos dolorida.
    Que possamos sempre recordar...
    Boa continuação de mês.
    PAZ E BEM.

    ResponderExcluir
  6. Oi Alécio como vão as coisas do lado de lá?
    Por aqui no RS o desemprego está bem grande 500 mil tentando
    viver como pode; a saída está sendo Santa Catarina que está abrindo
    várias frentes de emprego.
    É dificil fazer poema em tempos complicados; mas pelo menos podemos
    deixar a realidade menos dolorida.
    Que possamos sempre recordar...
    Boa continuação de mês.
    PAZ E BEM.

    ResponderExcluir
  7. Realmente meu amigo poeta Alécio. Um belo e maravilhoso fim de semana.

    ResponderExcluir
  8. Alécio, meu querido amigo!

    Então, como vão as coisas por aí? Tentando melhorar e resolver um dia de cada vez, né? É assim k todos deveremos fazer, pke o futuro está longe de ser o que era dantes e está, francamente, ameaçado, mas só Deus sabe e conhece o que virá. Esperamos que tudo melhore.

    Beijos e boa semana.

    ResponderExcluir