quarta-feira, 17 de agosto de 2016

Amigo de verdade

Existem muitos tipos de amigos
Há os amigos do peito
Os amigos que não lhe tem respeito
Outros que querem tirar proveito

Há a amizade comprada
A amizade roubada
A amizade que dura
E a que só trás amargura

Mas quem nunca teve um amigo
Não sabe a falta que faz
E nem a alegria que trás
Pois amigo é tudo isso e muito mais

Amizade não se vende em nenhuma loja
Mas sim, se conquista
Através da clareza e da verdade
De suas atitudes e ações

O verdadeiro amigo
É aquele que não se esquece de você
Que o ajuda nos momentos mais difíceis
E quem tem você como um verdadeiro irmão

O que realmente importa nesta vida
Não é a sua conta bancária ser gorda
Mas sim ter muitas amizades
Ter uma pessoa para compartilhar sua vida
E simplesmente ser feliz


Alécio Souza

9 comentários:

  1. Oi, querido Álécio!

    Tudo bem? Calma e fé, garoto!

    Hoje, só uma passadinha.

    A imagem é tão linda e carinhosa! Depois volto. Tá?

    Beijos e bom final de semana.

    ResponderExcluir
  2. Olha, k estava guardado no baú, esse seu poema, mas cheira bem, cheira a alegria, a vida, a esperança e a sinceridade, meu querido amigo!

    Tua poesia é abrangente, real e repleta de lógica. De facto, há amizades de todo o tipo, pelos mais diversos motivos, mas as verdadeiras, essas nada nos impõem. Nos dão a mão e ombro, qdo necessário e nos fazem sorrir ou chorar, caso seja necessário.~

    Gosto mto do k você escreve, Alecio, pke reflete o cotidiano, k, infelizmente, é bem duro e difícil, p vezes.

    A AMIZADE BOA NOS TRAZ SEMPRE COMPANHEIRISMO E PARTILHA.

    A amizade não se compra, nem se vende, ela traz para nós, o melhor da vida: exclusão da solidão e apoio total.

    A imagem é tão mimosa e cálida! Os animais nos amam, de facto e incondicionalmente.

    Terminaram os Jogos Olímpicos, parece k não da melhor maneira, devido ao tempo, mas a festa se fez na mesma, enchendo o Maracanã.

    Beijos e k tudo em tua vida se vá resolvendo.

    ResponderExcluir
  3. A criança e o cão são tão lindos e o gesto do menino é tão carinhoso!

    Olá, Alécio, meu querido amigo!

    Como vai? O importante é ir andando e resolvendo seus probleminhas, com calma.

    Terminaram as Olimpíadas e não houve incidentes de maior, embora eu tenha escutado na TV algumas pessoas aí do Rio, brasileiros, portanto, dizendo k estavam com alg. receio k a violência voltasse, visto k o número de policiais e outras forças iria diminuir bastante.

    O Brasil é um país enorme, mta população e portanto os problemas estão na mesma proporção, como é lógico.

    Vocês são um povo alegre e acolhedor, apesar de tudo isso, então, vamos pensar positivo!

    Beijos e bom final de semana.

    PS: só devo postar nos princípios de setembro.

    ResponderExcluir
  4. Ainda bem k você tem mtos poemas guardados no baú. Assim, vamos tendo sempre poesia, e da boa, por aqui.

    Tudo de bom!

    ResponderExcluir
  5. Que mais a dizer depois de uma bela explanação
    da verdadeira amizade.
    Disses-tes tudo. Belo.
    Continuação de um bom final de mês e apareça! andas sumido...
    Abraços.
    janicce.

    ResponderExcluir
  6. Parabéns pelos preciosos versos sobre a amizade. Linda poesia. Um bom dia

    ResponderExcluir
  7. OI ALÉCIO!
    DISSESTE TUDO EM TEUS BELOS VERSOS, TER ALGUÉM PARA COMPARTILHAR A VIDA E MUITOS AMIGOS É UMA RECEITA INFALÍVEL APARA A FELICIDADE.
    ABRÇS
    http://zilanicelia.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Alecio, tudo bem?

    Estou gostando de ver comentários de outros amigos em seu blog.
    É bom partilhar ideias, textos, sentires.

    Beijos.

    ResponderExcluir
  9. Adorei tanto que enviei a uma amiga minha. Lindo texto :)

    ResponderExcluir